Encomendas processadas no nosso armazém em menos de 24 horas (úteis), salvo rotura de stock.
Após saírem do nosso armazém, serão entreges no prazo normal de 1 a 2 dias úteis em Portugal Continental.
Amostras ou ofertas em todas as encomendas
MENU
Toggle Nav

A soja reduz o risco de enfartes nas mulheres

Sabia Que?

A soja reduz o risco de enfartes nas mulheres

A soja, nas mulheres, contribui para manter um coração e cérebro saudáveis. É o que conclui um estudo financiado, entre outros, pelo Ministério da Saúde, do Trabalho e do Bem-estar do Japão. O estudo mostra que as mulheres japonesas que consomem soja mais de cinco vezes por semana correm menos riscos de enfartes do que as mulheres que não consomem soja ou que consomem soja, no máximo, duas vezes por semana.

A soja contém naturalmente gorduras insaturadas, fibras, vitaminas e minerais, é pobre em gorduras saturadas e não contém colesterol. Todas estas características têm uma acção positiva sobre o coração e os vasos sanguíneos. Até recentemente, a relação entre o consumo de soja e as doenças cardiovasculares era pouco estudada. As pesquisas mais recentes, do Japão, trazem uma nova dimensão e apresentam uma série de resultados notórios.

Durante mais de 12 anos, foram seguidos mais de 40 000 homens e mulheres saudáveis, com idade compreendida entre 40 e 59 anos, de diferentes regiões do Japão. Através de um questionário foi feita a monotorização do consumo de soja e foram também registados possíveis enfartes do miocárdio e acidentes vasculares cerebrais (AVC).

Nas mulheres, foi encontrada uma relação entre o risco de enfartes do miocárdio e AVC e o consumo de soja. As que consomem soja mais de cinco vezes por semana, correm um risco de enfartes do miocárdio e AVC muito inferior ao das mulheres que consomem soja duas ou menos vezes por semana (69% inferior).

Nos países ocidentais, as doenças cardiovasculares são a principal causa de morte. Estes resultados revelam que a soja, enquanto elemento de uma alimentação saudável, desempenha um papel importante no âmbito das doenças cardiovasculares entre as mulheres.

Fonte: Kokubo Y, Iso H, Ishihara J, Okada K, Inoue M, Tsugane S. Association of Dietary Intake of Soy, Beans, and Isoflavones With Risk of Cerebral and Myocardial Infarctions in Japanese Populations. The Japan Public Health Center Based (JPHC) Study Cohort I. Circulation 2007.