Encomendas processadas no nosso armazém em menos de 24 horas (úteis), salvo rutura de stock.
Após saírem do nosso armazém serão entregues no prazo normal de 1 a 2 dias úteis em Portugal continental
Amostras ou ofertas em todas as encomendas.

MENU
Toggle Nav

Bronzeado

Beleza

Estamos no Verão, época de actividades ao ar livre: passeios, esplanadas, praia, piscina… E, apesar dos alertas sobre os perigos do sol, ainda existe muita inconsciência…

O sol é essencial à vida e tem efeitos benéficos no organismo, nomeadamente, favorecendo o crescimento e estimulando a formação de vitamina D na pele. A realidade é que o bronzeado não é sinónimo de saúde e o excesso de sol tem consequências graves. Apesar das inúmeras campanhas de prevenção, a incidência do melanoma (cancro da pele) tem aumentado, devido à degradação da camada do ozono e à intensa exposição solar. Ostentar um bronzeado ainda é visto como um factor de beleza e um atributo de classes mais desenvolvidas... Muitos procuram o Verão em destinos tropicais e mantêm o bronzeado recorrendo ao solário.

Quando exposta aos raios ultravioletas, a pele inicia um processo de protecção natural para evitar queimaduras. Os melanócitos (células que se encontram na derme) começam a produzir uma substância, a melanina, de cor acastanhada, que sobe lentamente à superfície dando-lhe um tom bronzeado, o que leva cerca de dois dias a acontecer. Quanto maior for a estimulação à produção de melanina, ou seja, o tempo de exposição solar, mais quantidade de melanina será produzida para que as camadas cutâneas sejam protegidas. Assim, a pele vai ficando cada vez mais bronzeada. Apesar desta capacidade natural, devemos considerar que actualmente a qualidade da radiação solar é perigosa devido aos buracos de ozono e, o bronzeado natural deixa de ser uma protecção suficiente. É essencial reforçar as defesas da pele, maioritariamente através de protectores solares e do cumprimento de alguns conselhos.

É importante escolher qual o índice de protecção solar mais adequado à pele de cada indivíduo. A coloração da pele difere de pessoa para pessoa, indo desde o albino (sem produção de melanina), o ruivo (muito pouca produção de melanina), o louro (com produção moderada de melanina), o moreno (produção normal ou abundante de melanina) até à pele negra (com quantidade máxima de melanina). O protector solar deve ser escolhido em função do tipo de pele: quanto mais clara a pele, maior o índice de protecção. A aplicação do creme deve ser repetida de hora a hora e após cada banho, mesmo que seja “resistente à água”. O protector deve incluir protecção contra os UVB e os UVA. É importante saber que a radiação UVB é variável segundo as características do solo, pelo que se reflecte 3% sobre a relva, 5% sobre a água, 17% sobre a areia e 85% sobre a neve. A radiação aumenta ainda com a altitude (cerca de 20% a cada mil metros).

Existem ainda outros cuidados relativos à exposição solar que devem ser observados, pois nenhum protector é absolutamente infalível. Respeite o horário de exposição solar com menos riscos: antes das 11h e após as 16h30m. A exposição deve ser gradual: 10 minutos no primeiro dia e ir aumentando todos os dias 10 minutos. Não permaneça deitado. Movimente-se para obter um bronzeado uniforme e, ao mesmo tempo fazer um pouco de exercício. Use chapéu, óculos de sol e tenha sempre sombra para se abrigar. Mantenha-se hidratado bebendo líquidos, mas evite os refrigerantes e as bebidas alcoólicas pois desidratam. As crianças com idade inferior a 2 anos devem evitar a exposição solar directa e após esta idade devem usar uma camisola de algodão e um chapéu de abas largas.

Recomenda-se a toma de antioxidantes antes, durante e após a época balnear. Nomeadamente o betacaroteno, o selénio e as vitaminas E e C que favorecem o bronzeado e ajudam a retardar a envelhecimento da pele, bem como a aplicação de um creme hidratante após a exposição solar. Fórmulas com Aloe vera são bastante úteis em casos de queimaduras solares.

Relembro que deve regularmente verificar os sinais e contactar o médico caso estes se apresentem irregulares, escuros ou com prurido.